Genômica, nutrição e 20 anos de avaliação do guzerá foram destaques na ANCP

Ferramentas genômicas, eficiência alimentar e os 20 anos de avaliação genética da raça Guzerá. Esses foram alguns dos temas debatidos no tradicional Seminário de Criadores e Pesquisadores da ANCP (Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores), realizado em Ribeirão Preto (SP), no último dia 10 de maio. O evento reuniu mais de 300 pessoas, entre criadores, pesquisadores, técnicos, empresas da área de genética, programas de melhoramento genético, associações das raças de bovinos, pecuaristas e universitários.

Chegando à sua 25ª edição, o encontro também contou com homenagens a pessoas que se destacaram no último ano e o lançamento do Sumário de Touros das raças Nelore, Guzerá, Brahman e Tabapuã de maio de 2019.

Dividido em dois painéis – Pesquisas e Inovações Tecnológicas e Genômica, Startups e Lançamentos, o Seminário contou com 11 palestras e duas discussões plenárias, realizadas no final de cada módulo.

A abertura oficial foi feita pelo professor. Raysildo Lôbo e Carlos Viacava, respectivamente presidente e vice-presidente da ANCP, que deram as boas-vindas aos participantes, destacando os recentes feitos da Associação e agradecendo a presença de todos.

Abrindo a série de palestras do Painel 1, o Prof. Dr. Fernando Baldi, da Unesp e pesquisador da ANCP, apresentou palestra com o tema “Avaliação genômica em rebanhos comerciais: avanços, lições e oportunidades”. Na sequência, Luciano Ribeiro, titular do Rancho da Matinha, um dos primeiros associados a utilizar o programa de melhoramento da ANCP, falou sobre a evolução e os desafios da eficiência alimentar.

Logo em seguida, o diretor técnico da Associação, Argeu Silveira, apresentou exemplos práticos da evolução da eficiência alimentar. A quarta palestra foi apresentada pelo diretor da Aval Serviços Tecnológicos e consultor da ANCP, Yuri Baldini Farjalla, que abordou a seleção para qualidade da carne, envolvendo precocidade de acabamento, musculosidade e marmoreio.

Para ele, o Seminário é muito importante para a cadeia produtiva de carne. “É uma grande oportunidade para técnicos, pesquisadores e criadores se encontrarem, alinharem as ideias e os conceitos para seguir em frente com o melhoramento genético e entregar os resultados para a comunidade”, ressaltou.

Finalizando o primeiro painel, o gerente de mercado da Alta Genetics, Tiago Carrara, falou sobre a visão do mercado de animais avaliados ANCP. Logo em seguida, todos os palestrantes se reuniram em plenário para discutirem os temas e responderem às perguntas dos participantes, tendo como moderadora a Profa. Dra. Carina Faria.

Abrindo o Painel 2, Tiago Albertini, Minos Carvalho e Eraldo Gonçalves, da Startup @Tech, apresentaram o aplicativo BeefTrader, utilizado para avaliação do potencial lucrativo do genoma. Logo em seguida, o professor de Genética e Melhoramento Animal da USP de Pirassununga (SP), José Bento Ferraz Sterman, falou sobre os 20 anos de melhoramento genético da raça Guzerá e suas DEPs genômicas.

Para o palestrante, foi um prazer participar do Seminário, que sempre traz temas importantes para a pecuária brasileira. “Para nós, que somos pesquisadores, o trabalho não tem sentido se não chegar aos produtores, e isso a ANCP faz com muita competência”, enfatizou.

A próxima palestra foi ministrada por Rafael Medeiros, pesquisador-sênior no Grupo de Serviços Técnicos de Genética Global da Zoetis, que apresentou os resultados de estudos de validação do Clarifide Nelore. Na sequência, Mateus Pivato, da Associação Brasileira de Angus, falou sobre a seleção e melhoramento para a produção de carne de qualidade.

O médico veterinário Claudiney de Melo Martins, sócio-diretor da Fertiliza Gentec Consultoria, falou sobre precocidade sexual: interação nutrição versus genética. Logo depois, o chefe-adjunto de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Pecuária Sudeste, de São Carlos (SP), Alexandre Berndt, apresentou práticas inovadoras para a sustentabilidade da pecuária.

Concluindo o último módulo, todos os palestrantes participaram de discussão plenária, conduzida pela Profa. Dra. Angélica Pereira, onde responderam às questões levantadas pelos participantes do segundo painel.

Dentro da programação, foram realizadas algumas homenagens. A primeira delas foi para a consultora técnica da Entidade, Adriana Lima, que recebeu o prêmio Consultor Destaque ANCP.

Para ela, o Seminário tem muita importância para todo o agronegócio e a cadeia produtiva de gado de corte, trazendo inovação e todas as ferramentas para o melhoramento genético. “Estou muito feliz, pois esse prêmio representa todos os consultores, que levam ao campo as novas tecnologias e ferramentas e trazem as necessidades dos produtores. Fico feliz também por representar as mulheres no agronegócio”, destacou.

Pelas duas décadas de dedicação e empenho em prol do melhoramento genético da raça Guzerá, a família Tonetto também foi homenageada. Para Tarcisius Tonetto, a parceria firmada com a ANCP há 20 anos foi crucial para o desenvolvimento da raça, com um programa que serve de norte para muitos selecionadores. “É um grande orgulho receber essa homenagem e lembrar de meu pai, que era uma pessoa apaixonada pela pecuária, pelo trabalho e pela busca da tecnologia para emprego dentro da atividade”, afirmou.

Outro homenageado foi Tiago Carrara, que recebeu o prêmio Amigo da ANCP. Completando as honrarias, Argeu Silveira também recebeu homenagem por sua dedicação e comprometimento em prol do melhoramento genético no Brasil.

Para Carlos Viacava, o Seminário foi mais do que tudo uma reunião dos pesquisadores e criadores que fazem parte da ANCP. “Os temas foram muitos importantes, com destaque para a genômica, que criou grande interesse em todos, com muitas perguntas. Estamos avançando com esse assunto, que é importante para a pecuária brasileira”, destacou.

Já Raysildo explicou que o evento apresentou inovações tecnológicas visando manter a ANCP na vanguarda e gerar informações para aumentar o núcleo do produtor rural. “O evento foi sensacional, fora de série. Queremos agradecer aos parceiros de centrais, criadores, pesquisadores e técnicos, que nos brindaram com a sua presença”, concluiu.

Fonte: ANCP