Ritmo lento para o boi gordo no mercado

Mercado do boi gordo com pouca movimentação no fim da semana. Algumas indústrias fora das compras e outras aproveitando o momento para testar o mercado com ofertas de compra abaixo da referência. A retenção de boiadas colabora com este cenário de frouxidão nas negociações embora, aos poucos, os pecuaristas têm se mostrado mais dispostos a vender o gado. Cabe destacar que o aumento da disponibilidade de fêmeas é um fator que ajuda na composição das escalas dos frigoríficos. De toda forma, testes de preços menores não têm sido efetivos e não são raros casos de pagamentos acima da referência para manutenção das programações. Entramos na segunda quinzena do mês, o que tende a gerar redução do escoamento. No fechamento de sexta-feira, queda de 1% no preço da carcaça de animais castrados e o quilo está cotado em R$ 9,20. A dúvida para os próximos dias fica a cargo da oferta.

Fonte: Scot Consultoria

Canal AgroRevenda

 

Papo de Prateleira