28 de agosto de 2013

Nutrição: aplicações da Nutrigenômica

A nutrigenômica é a ciência que estuda a relação entre a expressão dos genes e a alimentação humana e animal. Seu objetivo é descobrir os efeitos da nutrição no desenvolvimento do corpo. São analisados milhares genes de um ser utilizando técnicas como microarranjos aliado à bioinformática que permite a análise de todo o funcionamento dos genes e armazenamento de grande quantidade de dados.

Em função de sua importância para o segmento de nutrição animal, “Nutrição: aplicações da Nutrigenômica” será um dos temas de destaque do 23º Congresso Brasileiro de Avicultura que acontece até esta quinta, dia 29 de agostom em São Paulo (SP).

Sobre o assunto, o médico veterinário Dr. Fernando Rutz, formado em medicina veterinária pela Universidade de Pelotas (RS) e doutorando em Nutrição e Alimentação Animal na University of Kentucky nos Estados Unidos, falará a partir das 9h.

Através desse tipo de análise, os cientistas conseguem perceber como os genes se alteram, os efeitos desta modificação e como manipular estas reações para um melhor desenvolvimento. Na agropecuária, os estudos são direcionados para desvendar como nutrir o animal, para que ele produza mais ou ganhe peso com qualidade e saúde. A dificuldade do pecuarista está exatamente em obter estes objetivos com menor custo, uma vez que a alimentação é responsável, em média, por 75% dos gastos da propriedade. A nutrigenômica identifica os ingredientes ideais que favorecem índices zootécnicos. Desta forma, é possível que sejam utilizados alimentos que tenham completa eficiência no organismo, evitando desperdício.

Os estudos em avicultura abriram um novo campo de pesquisa chamado genômica funcional. Ela estuda como o genoma de um organismo regula a homeostase (responsável por manter estável o ambiente interno) e responde aos estímulos, proporcionando um melhor entendimento de sua interação com o ambiente. Este processo permite que seja realizado um redirecionamento da nutrição de aves onde as dietas poderão ser elaboradas de acordo com raças, linhagens ou grupos com características semelhantes.

A Alltech realizou um grande avanço para a avicultura na identificação dos genes, responsáveis por codificar fatores de fertilidade e redução de danos celulares, influenciados significamente pelo Selênio Orgânicos. Com a nutrigenômica, a Empresa desenvolveu uma nova tecnologia que possui altíssima correlação com a ação da vitamina E no metabolismo antioxidante. Esta vitamina é um dos ingredientes mais caros na nutrição animal atualmente.

A Alltech possui hoje um Centro de Nutrigenômica localizado na University of Kentucky (USA). “Os estudos de nutrigenômica permitem, além de um bom direcionamento nutricional, o desenvolvimento de ingredientes e estratégias capazes de solucionar problemas específicos enfrentados pelo sistema de produção”, afirma diretor do centro, Dr. Karl Dawson.

Fonte: Alltech

Canal AgroRevenda

 

Papo de Prateleira

 

Newsletter

Receba nossa newsletter semanalmente. Cadastre-se gratuitamente.