6 de agosto de 2013

II Congresso CBNA destaca trabalho das fábricas de ração

O II Congresso CBNA (Colégio Brasileiro de Nutrição Animal), programado para os dias 3 e 4 de setembro, em Maringá, PR, trará como tema central “Tecnologia da Produção de Alimentos para Animais”. A principal inovação para este ano, de acordo com a organização, é o intuito de buscar mesclar assuntos voltados para a rotina das fábricas e assuntos voltados para as novas tecnologia.

De acordo com o diretor do CBNA, Marcio Ceccantini, o que mais pesou na organização do evento foi a elaboração de uma programação diferenciada, em que todos os conferencistas — incluído o time de experts estrangeiros — apresentarão temas importantes, atuais e até alguns polêmicos.

Essa decisão não é sem motivo. Polo que congrega cerca de 110 municípios, reunindo cooperativas agroindustriais e diversos fabricantes de alimentos balanceados para animais, Maringá dispõe de um público altamente qualificado.

O objetivo do CBNA é superar as expectativas desse público, composto por integrantes das cooperativas e agroindústrias nacionais que trabalham na região — incluindo membros da indústria de sal mineralizado e pet food.

“Já temos inscritos da Argentina, e outros países da América do Sul, demonstrando o interesse que desperta este evento”, destaca o diretor. O atendimento dessa expectativa poderá ser verificado nos dias 3 e 4 de setembro de 2013, no Centro de Eventos Excellence, em paralelo a Expo Feed — Feira da Tecnologia em Nutrição Animal.

Para mais informações, acesse o site www.cbna.com.br.

Confira abaixo os destaques da programação

  • Armazenagem, Transporte e Controle de Qualidade de Ingredientes na Fábrica, por André Dadalt, Dadalt Consultoria;
  • Projeto de Fábricas de Alimentos, por Keith Behnke, Kansas State University;
  • Peletização: Melhorias e como fazer a Seleção de Matrizes Peletizadoras, por Keith Behnke, Kansas State University;
  • Adição de Líquidos: Macro e Microingredientes Pré e Pós Peletização, por Paul Steen, Ab Vista Feed Ingredientes
  • Extrusão (parte 1 e 2), por Sajid Alavi, Kansas Satate University;
  • UPC (Processador Universal de Pellets Cozidos): Inovação na Tecnologia de Processamento de Alimentos para Animais — Foco em Desempenho e Sanitização, por Galen Rokey, Wenger Manufacturing. INC.;
  • Secagem e Resfriamento de Alimentos Extrusados e Peletizados, por Diego Clivio, Geelen Counterflow;
  • Sistemas Automatizados de Adição de Microingredientes Sólidos, por Leandro Krug, Libracom Automação Industrial;
  • Uso de Radiação como Controle Biológico, por Fernando Reichmann, CBE Embrarad;
  • Moagem e Controle de Pó na Fábrica, por Stefan Widmann, Widi Tecnologia;
  • Gerenciamento da Fábrica, por Antonio Klein, Agropec Consultoria.

Fonte: Eira

Canal AgroRevenda

 

Papo de Prateleira

 

Newsletter

Receba nossa newsletter semanalmente. Cadastre-se gratuitamente.