Fertiláqua leva inovação em sementes de alta performance

A Fertiláqua, um dos maiores grupos de nutrição, fisiologia de plantas e revitalização de solo, participou da Expodireto Cotrijal com o objetivo de ampliar a relação com os produtores de soja do país, entendendo seus principais desafios e propondo novas tecnologias e soluções que atendam as suas necessidades no campo.

Um dos destaques do stand foi a apresentação do Programa Construindo Plantas – PCP 360, que oferece soluções para aumentar o desenvolvimento, o vigor e a produtividade da lavoura, proporcionando ao produtor plantas mais eficientes.

O PCP trabalha em todos os estágios da cultura: antes do plantio – com a revitalização de solo e a qualidade de controle da mato competição –, passando por sementes, desenvolvimentos vegetativo e reprodutivo, até ao fim do processo, a colheita.

Também no portfólio da companhia, está o programa Sementes de Verdade, responsável por conceder um selo aos lotes de sementes, das sementeiras parceiras, que apresentam alta performance, com 95% de germinação dos quais 70% estão nas classes de mais alto e alto vigor e 90% de vigor pelo teste de envelhecimento acelerado (EA).

Uma semente de qualidade no processo produtivo possibilita ao produtor obter uma melhor e mais alta produtividade na lavoura. A qualidade é uma interação entre os componentes da semente, que, em conjunto determinam os seus atributos.

No stand da Fertiláqua, os produtores também puderam conferir de perto o maior pé de soja do Brasil, com mais de dois metros de altura. Enquanto uma planta normal produz na lavoura em torno de cem vagens, na última contagem, o produtor Nelson Roque Kappes conseguiu chegar a um total de 11 mil vagens neste pé.

O crescimento acima da média da soja está associado à combinação de soluções tecnológicas que contribuem para aumentar a capacidade das sementes e, assim, obter plantas com máxima eficiência.

“O evento é referência no sul do país e reúne produtores que estão atentos aos avanços tecnológicos. A Fertiláqua desenvolve tecnologias visando oferecer soluções que, justamente, poderão auxiliá-los nos desafios da alta produtividade”, explica Evandro Carlos Binsfeld (Bife), diretor comercial da Fertiláqua.

Sobre o Grupo Fertiláqua – Um dos maiores grupos de nutrição, fisiologia de plantas e revitalização de solo, a empresa Fertiláqua atua por meio das marcas Aminoagro, Dimicron e Maximus, a linha Longevus no segmento de cana-de-açúcar, e a linha Golden Seeds para sementeiras e produtores de sementes. A companhia pertence ao fundo de investimento Aqua Capital. Com mais de 300 colaboradores e presença em todo o Brasil, e em outros países da América Latina, a empresa investe em pesquisa, tecnologia e inovação. A Fertiláqua conta com a sede administrativa em Indaiatuba/SP, fábricas em Cidade Ocidental/GO e Cruz Alta/RS, um centro de distribuição em Cuiabá/MT, dois Laboratórios de Análise de Sementes (LAS) e dois Centros de Inovação Tecnológica (CIT). O grupo disponibiliza uma iniciativa pioneira, o Programa Construindo Plantas (PCP), com ações específicas em cada fase das culturas, do plantio à colheita, para potencializar o desenvolvimento de plantas mais eficientes, e um solo com melhores qualidades físicas, químicas e biológicas, buscando com isso sistemas com maiores potenciais produtivos e consequentemente rentabilidade. Com o objetivo de reconhecer a qualidade das sementes de soja no mercado brasileiro, foi criado pelo grupo o selo Sementes de Verdade. Mais informações no website: www.fertilaqua.com.

Fonte: Assessoria de Imprensa