Briga de EUA e China pode beneficiar suinocultura brasileira

A guerra comercial entre China e Estados Unidos pode trazer reflexos positivos para a indústria brasileira de carne suína. É em que acredita a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que divulgou nota sobre o assunto, nesta sexta-feira (23/3). Nesta semana, o presidente americano Donald Trump anunciou a imposição de restrições à importação de produtos chineses. O valor das sanções é calculado em pelo menos US$ 50 bilhões. O governo da China prepara uma retaliação a diversos produtos dos Estados Unidos. Em relação à carne suína, existe a possibilidade de imposição de uma tarifa de 25%.

Fonte: Globo Rural